segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Alguns


ALGUNS DANÇAM

Escapei então dos tristes limites da terra
E dancei pelos céus em alegres asas de prata
Em direção ao sol!
Experimentei o júbilo de nuvens cortadas pelo sol
E fiz mil coisas das quais nunca sonhei...
Rodopiar, planar e oscilar...
E com silente expectativa caminhei
Na santidade inviolável do espaço
E estendendo minha mão
Toco na face de Deus

ALGUNS BEBEM

Caía a tarde feito um viaduto
E um bêbado trajando luto
Me lembrou Carlitos...
A lua
Tal qual a dona do bordel
Pedia a cada estrela fria
Um brilho de aluguel

ALGUNS LÊEM SHAKESPEARE

Quando me tratas mau e, desprezado,
Sinto que o meu valor vês com desdém,
Lutando contra mim, fico a teu lado
E, inda perjuro, provo que és um bem.
Conhecendo melhor meus próprios erros,
A te apoiar te ponho a par da história
De ocultas faltas, onde estou enfermo;
Então, ao me perder, tens toda a glória.
Mas lucro também tiro desse ofício:
Curvando sobre ti amor tamanho,
Mal que me faço me traz benefício,
Pois o que ganhas duas vezes ganho.
Assim é o meu amor e a ti o reporto:
Por ti todas as culpas eu suporto.

ALGUNS SÃO MÃES

1 Mulher, ou fêmea de animal que teve um ou mais filhos. 2 Dir Ascendente feminino em primeiro grau. 3 Causa ou origem de alguma coisa. 4 Lugar onde uma coisa teve origem. 5 Pessoa que protege muito a outra.

ALGUNS SÃO DIFERENTES...

Um comentário:

Fabio Allves disse...

Benjamin Button!

Alguns também levam choques sete vezes na vida...

Fabio Allves
http://allaboutt.wordpress.com/